Projeto HBM4EU em Portugal

Políticas > Ambiente e Saúde > BIOMONITORIZAÇÃO HUMANA > Projeto HBM4EU em Portugal

A participação de Portugal no projeto HBM4EU é assegurada por representantes das áreas de Ambiente, Saúde e Ciência, sendo a Agência Portuguesa do Ambiente (APA), a Direção Geral de Saúde (DGS) e a Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) os Programme Owners e o Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) e a FCT os Programme Managers;

A FCT e o INSA assinaram o Grant Agreement sendo os Beneficiários diretos dos financiamentos, a APA é parceiro não assinante, a DGS e a Escola Superior da Tecnologia da Saúde de Lisboa (ESTeSL), são Linked Third Parties (LTPs) do INSA e a Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa (FMUL) é uma LTP da FCT.

Este projeto pressupõe a existência, em cada Estado participante, de uma estrutura nacional de biomonitorização humana não existindo essa estrutura em Portugal foi necessário criá-la, estando atualmente em fase de consolidação. Como suporte ao trabalho a realizar no âmbito do projeto foi assinado em Janeiro de 2017, um Protocolo de Colaboração entre os Program Owners e Program Managers, que tem por objeto regular as relações entre as Partes, de modo a que possam desenvolver ações de colaboração nos domínios da biomonitorização humana resultante da participação de Portugal no projeto HBM4EU, contribuindo para reforçar a posição de Portugal no contexto nacional e europeu, bem como promover o conhecimento neste domínio.

No âmbito do referido Protocolo e visando a implementação do Projeto HBM4EU em Portugal, foi criada a Plataforma Nacional sobre Biomonitorização Humana (NH-PT), para organização e coordenação dos trabalhos a desenvolver pelos vários parceiros e efetuar a ligação à Coordenação do HBM4EU.

A NH-PT consistirá numa estrutura que, consultados os parceiros nacionais, congregará os interesses nacionais nesta matéria garantindo, por um lado, que os resultados alcançados sejam refletidos no processo Europeu e beneficiando, por outro, do conhecimento produzido no âmbito deste Projeto.

No âmbito das suas atividades e tendo em vista não só a divulgaçao dos desenvolvimentos em curso no projeto HBM4EU e d contributo da participação portuguesa mas também com o objetivo de reunir investigadores, peritos em ambiente e saúde, reguladores, indústria e outros stakeholders portugueses para discutir e partilhar o estado da arte na biomonitorização humana e estudos de saúde em Portugal e na Europa, a NH-PT tem vindo a realizar anualmente um workhop.

  • 1º Workshop sobre Biomonitorização Humana em Portugal, "Bridging Chemical Exposure to Human Health" Instituto Nacional de Saúde Pública Doutor Ricardo Jorge, 11 de maio de 2018;

    Objetivo: Promover a comunicação entre a comunidade científica e as autoridades com vista ao uso dos dados de biomonitorização no apoio à decisão e em estratégias de prevenção e remediação em Ambiente e Saúde nas suas diversas valências. Pode consultar o programa em: https://www.fct.pt/apoios/cooptrans/EJP/HBM4EU/docs/1stHBM-PT_Programme.pdf 

  •  2º Workshop sobre Biomonitorização em Portugal, "HBM: assessing exposure for a healthier future in Portugal", Auditório da Agência Portuguesa do Ambiente, 25 de outubro de 2019;
            Objetivo: Reunir investigadores, especialistas em saúde ambiental ou ocupacional, reguladores, representantes da                 indústria química e outras partes interessadas para discutir as contribuições da HBM para políticas de Saúde e de                     Ambiente e avaliação de riscos para a saúde humana. Pode consultar mais informações em: 
           https://nhubpt- hbm4eu.wixsite.  com/hbmpt19
 
  • 3º Workshop sobre Biomonitorização Humana em Portugal, por videoconferência, 18 de novembro de 2020, SAVE THE DATE!. Pode consultar mais informação sobre o workshop em:

    https://nhubpt.wixsite.com/hbmpt20