Skip to main content

Os compostos orgânicos voláteis (COV) são caracterizados por possuírem uma alta pressão de vapor sob condições normais e por esse motivo volatilizam facilmente em contato com o ar e entram na atmosfera. Incluem uma grande variedade de substâncias tais como aldeídos, cetonas, e hidrocarbonetos aromáticos monocíclicos como o benzeno, tolueno, etil-benzeno e xilenos (BTEX). Destes compostos apenas a concentração de benzeno (C6H6) no ar ambiente é objeto de regulamentação pelo Decreto-Lei n.º 102/2010, de 23 de setembro (ver Qualidade do ar).

Os COV estão presentes em diversos tipos de materiais sintéticos ou naturais como solventes, tintas, colas, combustíveis, móveis, repelentes, produtos de limpeza, produtos cosméticos, pesticidas, roupas limpas a seco, marcadores permanentes, entre outros. Existem igualmente na natureza, pois podem ser liberados por plantas. Geralmente, os materiais que têm algum COV na sua composição possuem um cheiro característico.

Os COV são também produzidos na combustão e por isso tem origem em processos industriais que utilizem combustão e nos transportes. A sua produção ou utilização noutros processos de fabrico também gera emissões de COV por evaporação no âmbito do manuseamento das matérias-primas ou dos produtos. A utilização de produtos contendo COV também gera emissões por volatilização destes compostos, aplicação de tintas, utilização de detergentes, de cosméticos, etc..

Os COV, dependendo dos compostos, tem efeitos negativos muito variados que podem ir da incomodidade ou irritação e dificuldades respiratórias até efeitos mutagénicos e carcinogénicos.

Os COV são precursores das reações fotoquímicas de formação de ozono troposférico.

Com o objetivo de reduzir as concentrações destes poluentes no ar ambiente bem como as suas emissões totais anuais existem em aplicação instrumentos legais, e outros complementares, para o controlo das emissões das fontes mais significativas que incluem, entre outros, valores limite de emissão nas fontes e limites ao teor de COV em determinados produtos, como tintas e vernizes por exemplo (ver Controlo de emissões).

Para saber mais