Skip to main content

A informação atualizada sobre as concentrações no ar ambiente dos poluentes (dióxido de enxofre; óxidos de azoto, partículas em suspensão (PM10 e PM2,5), chumbo, benzeno, monóxido de carbono, ozono, arsénio; cádmio; níquel e mercúrio, Benzo(α)pireno, como indicador de hidrocarbonetos aromáticos policíclicos) é regularmente disponibilizada ao público.

O melhor conhecimento da qualidade do ar que respira, pela população, pode ser indutora da adoção de comportamentos que contribuam para proteger o recurso ar, e permitir que sejam tomadas medidas de minimização de exposição sempre que os níveis de qualidade do ar se afastam dos objetivos de qualidade, preservando assim a sua saúde.

Em Portugal a disponibilização de informação sobre qualidade do ar é assegurada através do sistema de informação Qualar, alimentado pela informação recolhida, pelo sistema de monitorização das comissões de coordenação e desenvolvimento regional (CCDR) e das direções regionais do ambiente das Regiões Autónomas (DRA), nas estações de monitorização e enviada por um servidor localizado naqueles organismos. Esta informação é enviada em tempo quase real para o sistema de informação Qualar após uma primeira validação automática efetuada pelo sistema de recolha e processamento de dados, seguida de uma validação por um operador da rede de medição.

Figura: Interface de visualização do índice de qualidade do ar ao nível da estação, calculado com base nas concentrações medidas nas estações de monitorização no continente, do dia 18 jan. 2021 – Sistema de Informação QualAr.

Sempre que ocorrem excedências aos limiares de informação (O3) e alerta (NO2, SO2 e O3), estipulados para os poluentes que podem ter efeitos de curta duração na saúde, essa informação é comunicada às autarquias locais, às autoridades de saúde e ao público, designadamente através dos órgãos de comunicação social nacionais, regionais e locais.

Estes alertas são também disponibilizados ao público através da base de dados Qualar e da aplicação para telemóveis desenvolvida para o efeito (app Qualar).

Figura: Interface de visualização do sistema de avisos do QualAr, acionado quando se verifica a previsão e/ou ocorrência de episódios de fraca qualidade do ar. 

A elaboração e implementação de planos de qualidade é também divulgada ao público e às entidades relevantes nas quais se incluem as organizações de defesa do ambiente, de defesa do consumidor, representativas dos interesses dos grupos sensíveis da população, de proteção da saúde, e de profissionais interessados.